quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Resenha do livro – Amor e cuba-libre



Livro: Amor e cuba-libre

Autor: Álvaro Cardoso Gomes

Editora: FTD


Interessante. Livro muito interessante e de um autor nacional com uma leitura fácil e encantadora. Fico a pensar o motivo de ter demorado e muito para ler tal livro cujo o conteúdo é tão envolvente. Uma bela história de amor e muita bebida porque afinal estamos na década de 60 e naquela época cuba libre era a bebida de Sérgio e sua turma... Calma, muita calma.

Vamos do começo, o livro é uma aventura do Sérgio após sair de sua cidade até a ida a Americana onde ele faz novos amigos com nome engraçados tipo Jamanta, Quatrolho, Bagulhão e Orelha onde os cincos vivem altas aventuras com muitas garotas e cuba libre – a bebida.

Posso afirmar que por ser uma narrativa simples sem muitos rodeios as 118 páginas foram consumidas com felicidades. Nunca na minha vida gostei dando de um livro como esse. Sem muito rodeios e centrado no tema. Nada do que eu relate nessa resenha irá fazer você lê com gosto tal livro, mas amigo não se engane pela capa ou pela sinopse porque o Álvaro realmente te fisga até o final.

Se você está curioso assim como eu que não sabia o que é cuba livre, eu te recomendo essa magnifica leitura e quem sabe lhe trará boas lembranças daquela época que você se divertia com seus amigos. Recomendo a leitura. 

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Resenha de mangá – Saint Seiya The Lost Canvas Gaiden Volume 5 – Capricórnio


Livro: Saint Seiya The Lost Canvas Gaiden volume 5 – Capricórnio

Autor: Masami Kuramada X Shiori Teshirogi

Editora: JBC


Bem nesse mangá do cavaleiro de capricórnio somos levados ao passado do El Cid e notei por pura observação que ele não mudou quase nada. Mas relevem essa parte, o que importa aqui é que o cavaleiro vai numa missão a uma cidade e lá ele encontra um jovem que quer ser ferreiro que nem seu pai. O pai de Lacaille – esse é o nome do jovem que El Cid encontra assim que pisa nessa cidade – é um dos melhores ferreiros da região e seu filho não chega nem aos pés do talento do pai.

É nesse primeiro momento que sabemos que do nada surgiu uma cidade e que todo mundo está indo para lá a fim de vencer um torneio. Por isso o trabalho do pai de Lacaille está sendo muito requisitado. E é nesse ponto que sabemos do passado de El Cid onde vemos dois amigos de infância surgirem na sua frente, uma que morreu e outro que sumiu do nada após um fatídico dia.

Sim, temos uma batalha emocionante, memorias do passado do pequeno capricorniano e como sempre um inimigo que é ninguém menos do que... Ok. Tudo mundo sabe que é algo relacionado a Hades, mas dessa vez não foi um espectro, mas... Vou deixar vocês na curiosidade.

Em suma, vale a pena lê? Sim. Vale a pena toda a trama do gaiden? Sim e muito. Shiori foi feliz nesse mangá porque vemos o quanto El Cid buscou por ser uma espada, a lamina e aquele lance que ele tem desde o início da guerra santa de procurar o corte perfeito, a excalibur. Percebi o início do desenvolvimento do golpe, o quanto os seus amigos tiveram importância na evolução de perfeição dele. O capricorniano em alguns momentos do mangá demostra leve mudança na fisionomia algo que eu nunca imaginaria ver uma expressão de espanto ou surpresa porque afinal ele tenta demostrar força e segurança e quase nunca sorri.

Bem não vou enrolar mais porque senão vou contar alguma coisa e deixar você – leitor – sem o fator espanto e olha que tem um pouco. O final eu tive que reler e me surpreendeu. Amigos desejo boa leitura e até... 

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Resenha de livro – Dimensões.BR


Livro: Dimensões.BR – Contos de literatura fantástica no Brasil
Autor: Vários
Organizadora: Helena Gomes
Editora: Andross
Sinopse: https://www.skoob.com.br/dimensoesbr-53269ed58633.html

Bem Helena organizou em um só livros vários contos cujo o tema é focado na nossa literatura fantástica e posso dizer que a ideia foi genial. Reunir vários autores em um só livro explorando o que é nosso e as inúmeras possibilidades.

Com o prefácio escrito por Roberto de Sonza Causo numa belíssima capa e reunindo mais ou menos 50 contos voltados ao nosso Brasil. Posso dizer que você vai chora, ri, se senti no livro, viajar, reconhecer e tudo mais. Quem imaginaria um conto em pelo parque da Jaqueira de um vampiro. Ou que o nosso famoso Lobato conheceu ao vivo e viu uma luta épica entre dois lobisomens.

Vampiros, fantasmas, curupira, saci, causos, contos, lendas, seres da floresta, mitos e aquele toque sobrenatural ou natural em 300 páginas que você se questiona porque parou? Contos são assim ti faz viajar e querer mais e mais, sugar até a última gota do autor, saber o que houve depois ou imaginar o personagem ali na sua frente.

A editora Andross sempre tem boas ideias ao reunir vários autores de várias temas em um só lugar. Você conhece obras, a temática, o estilo e fica ansiosa para saber mais e mais. Você que gosta de algo fantástico procure esse livro e mergulhe num mundo que a possibilidade é infinita.


Eu mesma tive um certo receito de lê esse livro, mas logo nos primeiros contos vi que a organizadora deve o maior cuidado nas escolhas do conto. Sim aconselho a você dá uma pequena lida senti o que senti nesse livro cheio de fortes emoções.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Retorno

Olá pessoal! Sim, voltei mais uma vez. Bem eu ia fazer um resumão da CCXP, mas aconteceu tanta coisa. Uma delas foi minha mudança com o meu amado, sim, resolvemos tomar um rumo em nossas vidas e trilhar nossos caminhos. O começo foi difícil, porém após quase 3 meses estamos com todas as nossas ou a maior parte dela em nosso novo lar.

E posso afirmar que vida de casal em uma casa onde não tem papai e mamãe é difícil, contudo estamos lidando com tudo a nossa volta. A outra coisinha foi que a pouco menos de dois meses instalamos a internet e a menos de um mês peguei meus livros e afins.

Então só agora vou colocar esse blog para frente.  Sei que não tem grandes fatos ou acontecimentos na minha vida, mas vou tentar mostrar a você, leitor, o que acontece por aqui.

Em breve novidades. 

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Resenha de livro – O mágico de Oz



Resenha de livro – O mágico de Oz

Livro: O mágico de Oz

Autor: L. Frank Baum

Editora: Leya

Sinopse: https://www.skoob.com.br/o-magico-de-oz-3068ed412750.html

Leitura leve e simples. No dia que comprei esse livro pensei a leitura deve ser complicada e por conta disso adiei no que puder a leitura. Entretanto agora pago por minha língua e posso escrever que a leitura é simples e leve e não tem nada de complicado.

Capítulos pequenos e sem rodeos. É como se fizesse parte da trama e em nenhum momento você se vê perdido ou cansado. A vontade é consumir a leitura de uma vez, contudo os afazeres da vida real não me deixaram realizar tal ato.

Uma coisa que me chamou a atenção foi os rabiscos ao final de alguns capítulos. Como se o autor desejasse desenhar o que descrevia em letras. Deu a impressão que isso foi feito para talvez no futuro ilustrar, mas alguém teve a ideia ímpar de coloca-los no livro que ao meu ver ficou muito bom. Não sei se a proposta era essa, mas posso dizer que foi uma grande sacada.

Ah, sim, você quer saber da trama? Desculpe me amigos leitores, mas posso lhe dizer que é aquela boa e velha história da menina do Kansas que é levada ao mundo estranho onde a sua jornada é ir em busca do magico de Oz para leva-la de volta ao lar. Sim, tem aquela aventura básica. Amigos novos com problemas que se resolve no decorrer da trama. E posso lhes dizer que tudo é maravilhosamente bem descrito. Nada o que reclamar.


Uma pequena recomendação se caso você tiver filhos e quiser lê uma boa história. Recomendo e muito esse livro. Porque simples assim como eu, seu filho irá amar essa linda história. Recomendo. 

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Resenha de mangá – Saint Seiya The Lost Canvas Gaiden Volume 1 - Peixes



Livro: Saint Seiya The Lost Canvas Gaiden volume 1 - Peixes

Autor: Masami Kuramada X Shiori Teshirogi

Editora: JBC

Sinopse: https://www.skoob.com.br/os-cavaleiros-do-zodiaco-the-lost-canvas-gaiden-01-254830ed285376.html


Bem nesse mangá vemos o cavaleiro de ouro de peixe Albafica indo a uma ilha dos Curandeiros numa missão de investigar uma ameaça maligna. Lá ele descobre que sim há um espectro além de muitas outras revelações e de quebra uma viagem ao seu passado onde fez um elo de sangue ao qual não tem mais volta.

Tenho um certo fascínio pelo cavaleio de peixes, pois é uma pessoa que não pode ser tocada porque não só ele possui uma habilidade natural contra os venenos das rosas. Tipo seu corpo possui uma espécie de anti corpos contra o veneno das rosas como também ele superou o veneno do seu próprio mestre além de seu sangue ser altamente venenoso. Simplesmente ele se tornou o cavaleiro forte, contudo solidário.

E é nesse gaiden que vemos como ele se tornou e agarrou o seu destino mesmo sabendo das consequências. Você pode notar o quanto ele sofre por sua condição e porque Albafica se tornou o que é hoje ou naquela época uma pessoa arrogante porque simplesmente ele sabia do tamanho do seu poder. Uma gota do seu sangue mataria um ser vivo, ele foi treinado e sabia dos riscos de seguir esse caminho.

Por isso, que eu falo mesmo que muitas pessoas o achem belo, fraco ou sem sal; eu lhe digo que esse garoto se tornou homem antes do tempo já que tomou para si ainda muito cedo o destino de dominar uma técnica poderosa mesmo que isso custa mais que sua vida, mas o contato humano. Gente, sério, como não amar esse cavaleiro?

Esse primeiro volume foi simplesmente genial não só em contar a história do pisciano, mas em apresentar belíssimo personagens como Ruko - o curandeiro, Pefko - o aprendiz do Ruko que é um garoto super fofo, Rugonis – o mestre de Albafica e irmão mais velho de Ruko. São personagens que estão na trama para nos contar não só uma gaiden de um cavaleiro, mas o motivo de cada um escolher seu destino e os caminhos daquela escolha.


Em suma, se você gosta assim como eu de Saint Seiya e quer ler algo rápido e sem precisar recorrer a vários volumes de mangás indico os gaidens. Aproveitem porque é ótimo e não precisa ler na sequencia já que cada uma tem sua própria história e são independentes. Boa leitura! 

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Resenha de livro – A Sabedoria do Condado



Livro: A sabedoria do Condado

Autor: Noble Smith

Editora: Novo Conceito

Sinopse: https://www.skoob.com.br/a-sabedoria-do-condado-272412ed305521.html



“Tudo sobre o estilo de vida dos Hobbits para uma vida longa e feliz”



Não. O livro não é uma continuação ou nada relativo aos filmes ou livros, mas uma leitura surpreendente dos livros O senhor dos anéis – a trilogia –, o Hobbit e outros livro de Tolkien. O autor Noble faz uma analogia da vida de um Hobbit com a nossa realidade e como a frase citada a cima ele ensina como ter uma vida longa e feliz igual ao dos pequenos.

Quando comecei a ler esse livro não entendi nada, mas foi preciso ler o Hobbit e ver os filmes para entender a ideia do autor ao fazer esse livro. Parei e pensei, caramba e não é que ele está certo, como não pensei nisso antes? Noble acertou em cheio ao construir toda a ideia do livro.

A leitura flui com leveza depois que você conhece as obras, os capítulos são curtos e sempre voltada a algum acontecimento do livro. Além é claro os motivos de J.R.R. Tolkien ter usado certas coisas na hora de produzir os seus livros. Eu nem sabia que Tolkien foi a uma guerra.

Eu realmente aconselho a você ler esse livro porque no final somos presenteados com um quiz para saber o seu nível de Hobbit e além de instruções de como criar seu jardim dos pequenos. Afirmo com toda certeza que essa foi uma – até o momento – das minhas melhores leituras desse ano.


Essa é uma sabedoria que vale a pena compartilhar. Recomendo a excelente leitura. 

sábado, 8 de abril de 2017

Cobertura da minha ida ao CCXP – Comic Com Experience Tour Nordeste. Parte 2


Olá pessoal!
            
Estamos no mês do evento e eu estou ansiosa pelo grande dia, pois no último dia estarei lá no CCXP aproveitando esse grande evento aqui no nordeste. Bem como prometido vou contar o que veio na credenciais: veio um cordão para colocar no pescoço a credencial; a credencial com todo os dados meus e ele é personalizado para o dia – o meu é da guerra civil time capitão américa; um e-ticket que eu não sei para que ser, mas deve ser entregue no dia do evento; um mês grátis de tele cine e tudo isso veio num cartão lindo onde explica tudo o que você recebeu.

Vou postar uma foto aqui só com algumas coisas porque fomos instruído a não tirar foto de algumas partes da credencial porque poderiam clonar. Mas pelo preço até que veio muita coisa, eu comprei no primeiro lote e valeu a pena.

Sim, estou sinceramente ansiosa para o evento e esperando rever uns amigos e fazer novos amigos. Espero ver alguns de você por lá. Fico por aqui, pois ainda tem muita coisa a organizar.


Beijos e até... 

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Resenha de mangá – Drifters volume 1



Livro: Drifters

Autor: Kouta Hirano

Editora: Sampa

Sinopse: https://www.skoob.com.br/drifters-1-397632ed450274.html

Se você gostou do mangá e anime Hellsing pode vibrar porque esse mangá foi escrito pelo mesmo autor. Mas o que esperar desse mangá? Bem creio que os mesmos elementos que vimos em Hellsing, porém numa outra temática.

Vou tentar simplificar esse primeiro volume que contém 11 capítulos onde somos que jogando em um mundo onde tem uma guerra entre os Ends e os Drifters a qual leva o título do mangá.

Resumindo os Ends são os malvados e conhecemos alguns deles nesse volume como o Lord Negro, Joana D’ arc, Hijikata, Anastasia entre outros que lutam para dominar todo o mundo. O Lord Negro está à frente desse grupo e tenta destruir os drifters e os demis-humanos que são os seres daqueles mundo como os anões, elfos e hobbits.

Já do lado dos mocinhos a lista é grande e aos poucos irão aparecer, temos Toyohisa, Nobunaga, Yoichi e entre outros que conhecemos nesse volume. Que vão se unir de um modo estranho para combater o lord negro.

Claro que tem cenas cômicas, estratégia de guerra, conversa, ação, violência (sim, muita violência, cenas fortes), estrupo, morte e todos os elementos para o mangá se transformar em anime para maiores de 18 e que tenha estomago forte. E claro aquele passeio básico pela história tanto do Japão como dos outros países. O primeiro volume você pega o ponto de vista dos personagens que chegaram assim como você naquele mundo.

E vamos com o tempo junto de Toyohisa sabendo o que aconteceu e o que pode ser feito para mudar a vida daquelas pessoas. Gosto dessa temática de conhecer o mundo do mangá junto com os personagens porque ai você vê o ponto de vista deles e suas ideologias.

Se eu não estiver enganada foram lançados 3 volumes pela editora Sampa e na minha última atualização do mangá escrito em japonês ele está no 5. Se eu estiver desatualizada me ajudem aqui.

Mas seja como for o mangá é muito bom e espero que lancem os outros volumes em português. Vale a pena e recomendo essa leitura.

sexta-feira, 31 de março de 2017

Resenha da revista – Detona Ralph



Livro: Detona Ralph – Revista oficial do filme

Autor: -

Editora: Abril

Sinopse: -

Bem é algo diferente, mas resolvi fazer a resenha dessa revista porque gostei muito da proposta e nunca tinha feito tal resenha, ou melhor, fiz resenha de revista, porém eram educativas, mas de um filme é novidade para mim.

A revista é bem didática, vem com passatempos, recortes, testes, dois pôsteres muito bonitos, perfil dos personagens e alguns histórias em quadrinhos dos personagens do filme. A revista é o oficial do filme e tem o selo Disney.

Uma história em quadrinhos que me chamou a atenção foi a abordagem do bullying. A Disney sempre coloca umas coisas bem instrutivas para as crianças ou adolescentes e nesse quadrinho de título “O chefão do nível final” vemos um valentão dizendo que vai passar o último nível com uma única moeda que roubou de outro garoto mais fraco. No final... Bem o final você tem que ler, mas foi uma sacada bem legal do pessoal da revista.


Se quiser uma revista bem legalzinha para os pequenos e ainda de quebra uns joguinhos legais além de muita diversão que não acaba nunca. Recomendo comprar uma dessa revista creio que vai ser diversão para toda hora.  E quem for cosplay as imagens dos personagens serve de referência. Aprovado.